Nossos Músicos

Acervo em constante construção.
Bob Tostes

Bob Tostes

Cantor, Compositor Natural de Belo Horizonte Nasceu em Gênero musical: Música popular brasileira
Biografia

Roberto Tostes Martins

Cantor. Compositor. Produtor. Radialista.
Irmão da cantora Suzana Tostes.
Em 1971, formou-se em Direito pela UFMG, ingressando em seguida no curso de Comunicação da PUC.

Dados Artistícos

Em 1969, liderou o braço mineiro do movimento “Musicanossa”, fundado no Rio de Janeiro no ano anterior. Também em 1969, foi finalista na fase mineira do “IV Festival Internacional da Canção Popular”, com suas canções “Caminhada” (c/ Roberto Guimarães) e “Noite mais linda” (c/ Bebeth Farah). Ainda nesse ano, lançou, com Suzana Tostes, Pacífico Mascarenhas, Antonio Adolfo e Meirelle, o LP “Sambacana vol. 3”.

Na década de 1970, dirigiu e produziu o “Festival Estudantil da Canção”, que contou com a participação de Lô Borges, Beto Guedes, Flávio Venturini, Toninho Horta, Túlio Mourão, Tavinho Moura e Ivan Lins. Nessa época, compôs trilhas sonoras para peças infantis montadas pelo Teatro de Equipe, entre as quais “O Cavalinho Azul”, de Maria Clara Machado, e o “Casaco Encantado”, ambas dirigidas por Priscila Freire.

Assinou coluna musical nos jornais “Diário da Tarde” e “Diário do Comércio”, nos anos 1960, 1970 e 1980. Na década de 1990, publicou ensaios no caderno “Pensar”, do jornal “Estado de Minas”.

Em 1976, lançou, com Suzana Tostes, Pacífico Mascarenhas, Wagner Tiso, Toninho Horta e Nivaldo Ornellas, o LP “Sambacana vol. 3”.

Lançou, em 1978, o álbum “Aleluia Bossa Nova”, comemorando os 20 anos do movimento.

Participou do CD “Bossa Nova Wonderland”, ao lado de Roberto Menescal, Carlos Lyra, Johnny Alf, Os Cariocas, Wanda Sá e Rosa Passos, entre outros, lançado no mercado japonês.

Foi produtor da Rádio Inconfidência FM na inauguração da programação “Brasileiríssima”, em 1979 e 1980.

De 1996 a 1998, mais uma vez na Rádio Inconfidência FM, produziu programas diários sobre cinema e música popular brasileira na mesma emissora.

Em 1999, passou a atuar na Rádio Guarani FM, participando da reformulação da programação e assinando a produção de especiais.

Em 2002, lançou, em parceria com Suzana Tostes, o álbum “Sessão Dupla – Novas Bossas”.

No ano seguinte, o álbum “Sambacana vol. 3”, gravado em 1969, ganhou edição japonesa em CD.

A convite de Roberto Menescal, gravou para o mercado japonês, em 2006, o CD “Call me irresponsible – Sinatra in Bossa”, em parceria com Marcelo Gaz.

Em 2010, lançou, com Marcelo Gaz, o CD “The short night”, uma homenagem ao cineasta Alfred Hitchcock, e o CD “Horizonte”.

Desde 1996 dirige o coral infantil da Escola Santo Tomás de Aquino em Belo Horizonte.

Ao longo de sua carreira, atuou em shows com Suzana Tostes, Juarez Moreira, Renato Motha, Patrícia Lobato, Délio Cardoso, Marilton Borges, Roberto Menescal, Antonio Adolfo, Nara Leão, Célio Balona, Jane Duboc, Talita Babl, Patty Asher, Titi Walter, Roberto Guimarães, Pacífico Mascarenhas, Christiano Caldas, Pingo Ballona, Milton Ramos, Vânia Bastos e Cléber Alves, entre outros.

Seu nome é considerado uma referência da Bossa Nova em Belo Horizonte.

Discografia
  • • (1969) Sambacana vol. 3 (Bob Tostes, Suzana Tostes, Pacífico Mascarenhas, Antonio Adolfo e Meirelles) – Odeon/EMI – LP, CD
  • • (1976) Sambacana vol. 4 (Bob Tostes, Suzana Tostes, Pacífico Mascarenhas, Wagner Tiso, Toninho Horta e Nivaldo Ornellas) – Tapecar - LP
  • • (1978) Aleluia Bossa Nova (Vários artistas) - Imagem – LP
  • • (1990) Bossa Nova Wonderland (Vários artistas) – Meldac (Japão) - CD
  • • (2002) Sessão Dupla - Novas Bossas (Suzana e Bob Tostes) - Dabliú Discos – CD
  • • (2006) Call me irresponsible - Sinatra in Bossa (Bob Tostes e Marcelo Gaz) – Albatroz - CD
  • • (2010) Horizonte (Bob Tostes e Marcelo Gaz) – Albatroz - CD
  • • (2010) The short night (Bob Tostes e Marcelo Gaz) – Albatroz - CD
Bibliografia

http://dicionariompb.com.br/

http://www.memoriamusical.com.br/

http://www.mis.rj.gov.br/

http://www.discotecapublica.com.br/

https://acervosmusicais.wordpress.com/

http://acervocompositores.art.br/

http://www.violaobrasileiro.com.br/

http://jornalggn.com.br/blogs/laura-macedo

http://www.otempo.com.br/hotsites/concha

http://musicosdobrasil.com.br/dissertacoes.jsf

ALBIN, Ricardo Cravo. MPB: A História de um século. Rio de Janeiro: Funarte, 1997.

AMARAL, Euclides. Alguns Aspectos da MPB. Rio de Janeiro: Edição do Autor, 2008. 2ª ed. Esteio editora, 2010. 3ª ed. EAS Editora, 2014.

AZEVEDO, M. A . de (NIREZ) et al. Discografia brasileira em 78 rpm. Rio de Janeiro: Funarte, 1982.

CABRAL, Sérgio. No tempo de Ary Barroso. Rio de Janeiro: Lumiar, 1993.

CARDOSO, Sylvio Tullio. Dicionário Biográfico da música Popular. Rio de Janeiro: Edição do autor, 1965.

EFEGÊ, Jota. Figuras e coisas da Música Popular Brasileira. Rio de Janeiro: MEC/Funarte, 1978.

EPAMINONDAS, Antônio. Brasil brasileirinho. Rio de Janeiro: Instituto Nacional do Livro,1982.

História da Música Popular Brasileira. São Paulo: Editora Abril, 1982.

LUNA, Paulo – No compasso da bola. Rio de Janeiro, Irmãos Vitale, 2011.

MARCONDES, Marcos Antônio. (ED). Enciclopédia da Música popular brasileira: erudita, folclórica e popular. 2. ed. São Paulo: Art Editora/Publifolha, 1999.

MARIZ, Vasco. A canção brasileira. Rio de Janeiro: Francisco Alves, 2000.

MORAES, Mário de. Recordações de Ary Barroso. Rio de Janeiro: MEC/FUNARTE,1979.

REPPOLHO. Dicionário Ilustrado de Ritmos & Instrumentos de Percussão. Rio de Janeiro: GJS Editora, 2012. 2ª ed. Idem, 2013.

SEVERIANO, Jairo e MELLO, Zuza Homem de. A canção no tempo. Volume 1. São Paulo: 34, 1997.

TINHORÃO, José Ramos. Música popular – teatro e cinema. Rio de Janeiro: Vozes, 1972.

VASCONCELOS, Ary. Panorama da Música Popular Brasileira. Vol. 2. Rio de Janeiro: Martins, 1965.