Nossos Músicos

Acervo em constante construção.
Flávio Henrique

Flávio Henrique

Instrumentista, Cantor, Compositor Natural de Belo Horizonte Nasceu em Gênero musical: Música popular brasileira
Biografia

Cantor. Compositor. Músico. Tecladista. Pianista.

Dados Artistícos

Em 1995, com participação especial da cantora Titane, lançou pela gravadora Velas o CD “Flávio Henrique”.

No ano de 1997, pela gravadora Dubas, lançou o CD “Flávio Henrique e Marina Machado”, no qual interpretou diversas composições de sua autoria, entre elas, “Voz da criação”, “Um desencontro a mais”, “Cadê o tempo?”, “Um dia” e “Último samba”, todas em parceria com o mineiro Sérgio Santos, esta última com a participação especial do próprio parceiro. Outro parceiro importante no disco foi Paulo César Pinheiro em “Choro livre” e “Não tive mais o que te dar”. Ainda inclusas no CD as seguintes músicas: “Era uma vez por toda a vida” (c/ Murilo Antunes); “Lua no dia” (c/ Ronaldo Bastos” e “Vanessa”, em parceria com Robertinho Brant, com a participação especial de Lô Borges, dividindo a faixa com Marina Machado.

Em 2002, participou do Projeto ConexãoTelemig Celular de Música, no qual teve como convidados Ed Motta e Chico Amaral. Neste mesmo ano, lançou o CD “Livramento”, gravado em parceria com Chico Amaral. Neste disco contou com a participação especial de Milton Nascimento, Ed Motta e Marina Machado e foram interpretadas nove parceria de Flávio Henreque e Chico Amaral, entre elas: “Bela na chuva”, “Piquinique dos Tupinambás” e “Sete batutas e um auditor”.

Em 2003, ao lado de Francis Hime, Maria Bethânia, Sueli Costa, Sérgio Santos, Joyce, Milton Nascimento e Renato Mota, entre outros, participou do disco “Thelmo Lins canta Drummond”, no qual interpretou a faixa “Mulher nua anbdando pela casa”, poema musicado por Thelmo Lins.

Obra
  • • Bela da chuva (c/ Chico Amaral)
  • • Cadê o tempo? (c/ Sérgio Santos)
  • • Choro livre (c/ Paulo César Pinheiro)
  • • Era uma vez por toda a vida (c/ Murilo Antunes)
  • • Lua no dia (c/ Ronaldo Bastos)
  • • Não tive mais o que te dar (c/ Paulo César Pinheiro)
  • • Piquinique dos Tupinambás (c/ Chico Amaral)
  • • Sete batutas e um auditor (c/ Chico Amaral)
  • • Sete estações
  • • Último samba (c/ Sérgio Santos)
  • • Um desencontro a mais (c/ Sérgio Santos)
  • • Um dia (c/ Sérgio Santos)
  • • Vanessa (c/ Robertinho Brant)
  • • Voz da criação (c/ Sérgio Santos)
Discografia
  • • (1995) Flávio Henrique • Velas • CD
  • • (1997) Flávio Henrique e Marina Machado • Dubas • CD
  • • (2002) Livramento • CD
  • • (2003) Thelmo Lins canta Drummond • Independente • CD
Bibliografia

http://dicionariompb.com.br/

http://www.memoriamusical.com.br/

http://www.mis.rj.gov.br/

http://www.discotecapublica.com.br/

https://acervosmusicais.wordpress.com/

http://acervocompositores.art.br/

http://www.violaobrasileiro.com.br/

http://jornalggn.com.br/blogs/laura-macedo

http://www.otempo.com.br/hotsites/concha

http://musicosdobrasil.com.br/dissertacoes.jsf

ALBIN, Ricardo Cravo. MPB: A História de um século. Rio de Janeiro: Funarte, 1997.

AMARAL, Euclides. Alguns Aspectos da MPB. Rio de Janeiro: Edição do Autor, 2008. 2ª ed. Esteio editora, 2010. 3ª ed. EAS Editora, 2014.

AZEVEDO, M. A . de (NIREZ) et al. Discografia brasileira em 78 rpm. Rio de Janeiro: Funarte, 1982.

CABRAL, Sérgio. No tempo de Ary Barroso. Rio de Janeiro: Lumiar, 1993.

CARDOSO, Sylvio Tullio. Dicionário Biográfico da música Popular. Rio de Janeiro: Edição do autor, 1965.

EFEGÊ, Jota. Figuras e coisas da Música Popular Brasileira. Rio de Janeiro: MEC/Funarte, 1978.

EPAMINONDAS, Antônio. Brasil brasileirinho. Rio de Janeiro: Instituto Nacional do Livro,1982.

História da Música Popular Brasileira. São Paulo: Editora Abril, 1982.

LUNA, Paulo – No compasso da bola. Rio de Janeiro, Irmãos Vitale, 2011.

MARCONDES, Marcos Antônio. (ED). Enciclopédia da Música popular brasileira: erudita, folclórica e popular. 2. ed. São Paulo: Art Editora/Publifolha, 1999.

MARIZ, Vasco. A canção brasileira. Rio de Janeiro: Francisco Alves, 2000.

MORAES, Mário de. Recordações de Ary Barroso. Rio de Janeiro: MEC/FUNARTE,1979.

REPPOLHO. Dicionário Ilustrado de Ritmos & Instrumentos de Percussão. Rio de Janeiro: GJS Editora, 2012. 2ª ed. Idem, 2013.

SEVERIANO, Jairo e MELLO, Zuza Homem de. A canção no tempo. Volume 1. São Paulo: 34, 1997.

TINHORÃO, José Ramos. Música popular – teatro e cinema. Rio de Janeiro: Vozes, 1972.

VASCONCELOS, Ary. Panorama da Música Popular Brasileira. Vol. 2. Rio de Janeiro: Martins, 1965.