Nossos Músicos

Acervo em constante construção.
Regina Spósito

Regina Spósito

Cantor Natural de Nasceu em Gênero musical:
Biografia

Cantora. Atriz. Produtora.

Dados Artistícos

Ingressou no cenário artístico em 1991, atuando no musical “Na Onda do Rádio”. Em seguida, produziu, ao lado de Nívia Souza, o evento “Movimentos de Minas”.

Em 1993, produziu e atuou no musical “Hollywood Bananas”.

Em 1995, estreou, com Marina Machado, o show “Hebraico”, interpretando músicas em hebraico e iídiche. O espetáculo gerou o CD “Desoriente um país”, lançado em 1998.

No ano seguinte, novamente ao lado de Marina Machado, concebeu e atuou no espetáculo “O homem da gravata florida”, dirigido por Chico Pelúcio, em cartaz, durante três anos, em ruas e parques de várias cidades.

Idealizou, em 1997, o “CD Prato Feito”, que reuniu intérpretes mineiros a serviço da Ação da Cidadania contra a Miséria e pela Vida.

Em 1998, estreou, com Marina e Maurício Tizumba, a opereta “O homem que sabia português”, com música e libreto de Tim Rescala, direção de Chico Pelúcio. Nesse mesmo ano, idealizou e produziu o show “O samba popular brasileiro”.

No ano seguinte, gravou o CD “Marionetes – homenagem a Francisco Mário”, registrando as canções “Se cobrir é circo, se cercar é hospício”, “O homem mais forte do mundo”, “Bailarina”, “Domingo”, “Exílio”, “Reses tensas”, “Terra”, “Baleia negra”, “Choro”, “Maria leal”, “Passarinho preto”, “Bandeiras ao alto” e “Vida nova”.

Em 2001, lançou o CD “Regina Spósito”, contendo as canções “Eu não vejo nada”, “Pra ela passar”, “Chazinho com biscoito” e “O olho”, todas de Vander Lee, “Cabra-cega” (Renato Motta e Vander Lee), “Costura da vida” (Sérgio Pererê), “Choro do fim do mundo” (Flávio Henrique e Zeca Baleiro), “Tô” (Élton Medeiros e Tom Zé), “Se pudesse com você” (Affonsinho) e “O amor” (Flávio Henrique, Makely e Renato Negrão).

Em 2002, estreou, com a Cia. Burlantins, a opereta “A sombra do sucesso”, com música e libreto de Tim Rescala e direção de Chico Pelúcio e Marcelo Bonés.

Em 2003, apresentou-se com o cantor e compositor Moska no Teatro Sesiminas (BH), em mais uma edição do Conexão Telemig Celular de Cultura.

Discografia
  • (1998) Desoriente um país • CD
  • (1999) Marionetes – Homenagem a Francisco Mário • Independente • CD
  • (2001) Regina Spósito • Independente • CD
Bibliografia

http://dicionariompb.com.br/

http://www.memoriamusical.com.br/

http://www.mis.rj.gov.br/

http://www.discotecapublica.com.br/

https://acervosmusicais.wordpress.com/

http://acervocompositores.art.br/

http://www.violaobrasileiro.com.br/

http://jornalggn.com.br/blogs/laura-macedo

http://www.otempo.com.br/hotsites/concha

http://musicosdobrasil.com.br/dissertacoes.jsf

ALBIN, Ricardo Cravo. MPB: A História de um século. Rio de Janeiro: Funarte, 1997.

AMARAL, Euclides. Alguns Aspectos da MPB. Rio de Janeiro: Edição do Autor, 2008. 2ª ed. Esteio editora, 2010. 3ª ed. EAS Editora, 2014.

AZEVEDO, M. A . de (NIREZ) et al. Discografia brasileira em 78 rpm. Rio de Janeiro: Funarte, 1982.

CABRAL, Sérgio. No tempo de Ary Barroso. Rio de Janeiro: Lumiar, 1993.

CARDOSO, Sylvio Tullio. Dicionário Biográfico da música Popular. Rio de Janeiro: Edição do autor, 1965.

EFEGÊ, Jota. Figuras e coisas da Música Popular Brasileira. Rio de Janeiro: MEC/Funarte, 1978.

EPAMINONDAS, Antônio. Brasil brasileirinho. Rio de Janeiro: Instituto Nacional do Livro,1982.

História da Música Popular Brasileira. São Paulo: Editora Abril, 1982.

LUNA, Paulo – No compasso da bola. Rio de Janeiro, Irmãos Vitale, 2011.

MARCONDES, Marcos Antônio. (ED). Enciclopédia da Música popular brasileira: erudita, folclórica e popular. 2. ed. São Paulo: Art Editora/Publifolha, 1999.

MARIZ, Vasco. A canção brasileira. Rio de Janeiro: Francisco Alves, 2000.

MORAES, Mário de. Recordações de Ary Barroso. Rio de Janeiro: MEC/FUNARTE,1979.

REPPOLHO. Dicionário Ilustrado de Ritmos & Instrumentos de Percussão. Rio de Janeiro: GJS Editora, 2012. 2ª ed. Idem, 2013.

SEVERIANO, Jairo e MELLO, Zuza Homem de. A canção no tempo. Volume 1. São Paulo: 34, 1997.

TINHORÃO, José Ramos. Música popular – teatro e cinema. Rio de Janeiro: Vozes, 1972.

VASCONCELOS, Ary. Panorama da Música Popular Brasileira. Vol. 2. Rio de Janeiro: Martins, 1965.