Nossos Músicos

Acervo em constante construção.
Vicente Amar

Vicente Amar

Compositor Natural de Teófilo Otoni Nasceu em 9 de setembro de 1929 Falecido em 28 de maio de 2012 Gênero musical: Música popular brasileira, Samba‎
Biografia

Mineiro mas criado na cidade de Niterói, RJ. Concluiu o curso de Direito na Universidade Federal Fluminense, em Niterói. Foi funcionário do departamento musical da Rádio Nacional, onde passou a ter contato com o meio musical. Trabalhou, também, como fiscal de rendas.

Dados Artistícos

 

Teve cerca de 50 músicas gravadas por vários cantores do rádio. Em 1951, conheceu a estrela Emilinha Borba que gravou com sucesso em 1953 sua primeira composição, o bolero “Segue teu destino”, pela Continental. Em 1955, o cantor Blecaute gravou o xote “Agarradinho”, pela Copacabana, uma parceria dos dois e, Francisco Carlos gravou na RCA Victor o tango “Última taça”, parceria com J. Vieira. Em 1956 teve o samba “Time perna de pau” gravado por Fafá Lemos e Seu Conjunto e os sambas “Acorrege a prenúncia” pelo Trio Nagô e “Parece até doença” por Marion, todos na RCA Victor. Em 1957, Ângela Maria gravou “Chegou a escola” pela Copacabana, um samba em parceria com Milton de Oliveira e Rutinaldo.

Na década de 1960, obteve novos sucessos: em 1963, a marcha “Burrinha de mola”, parceria com Haroldo Lobo e Milton de Oliveira; em 1969, “Bangue-bangue no salão”, parceria com Milton de Oliveira, gravada por Paulo Bob e o samba “Time perna-de-pau”, regravado pelo conjunto Demônios da Garoa

Obra
  • • Última taça (c/ J. Vieira)
  • • Time perna-de-pau
  • • Segue teu destino
  • • Parece até doença
  • • Dona Didi (marcha)
  • • Chegou a escola (c/ Milton de Oliveira e Rutinaldo)
  • • Burrinha de mola (c/ Haroldo Lobo e Milton de Oliveira, marcha)
  • • Bangue-bangue no salão (c/ Milton de Oliveira)
  • • Agarradinho (c/ Blecaute)
  • • Acorrege a prenúncia
  • • A vaca malhada (c/ Carequinha, marcha)
Bibliografia

http://dicionariompb.com.br/

http://www.memoriamusical.com.br/

http://www.mis.rj.gov.br/

http://www.discotecapublica.com.br/

https://acervosmusicais.wordpress.com/

http://acervocompositores.art.br/

http://www.violaobrasileiro.com.br/

http://jornalggn.com.br/blogs/laura-macedo

http://www.otempo.com.br/hotsites/concha

http://musicosdobrasil.com.br/dissertacoes.jsf

ALBIN, Ricardo Cravo. MPB: A História de um século. Rio de Janeiro: Funarte, 1997.

AMARAL, Euclides. Alguns Aspectos da MPB. Rio de Janeiro: Edição do Autor, 2008. 2ª ed. Esteio editora, 2010. 3ª ed. EAS Editora, 2014.

AZEVEDO, M. A . de (NIREZ) et al. Discografia brasileira em 78 rpm. Rio de Janeiro: Funarte, 1982.

CABRAL, Sérgio. No tempo de Ary Barroso. Rio de Janeiro: Lumiar, 1993.

CARDOSO, Sylvio Tullio. Dicionário Biográfico da música Popular. Rio de Janeiro: Edição do autor, 1965.

EFEGÊ, Jota. Figuras e coisas da Música Popular Brasileira. Rio de Janeiro: MEC/Funarte, 1978.

EPAMINONDAS, Antônio. Brasil brasileirinho. Rio de Janeiro: Instituto Nacional do Livro,1982.

História da Música Popular Brasileira. São Paulo: Editora Abril, 1982.

LUNA, Paulo – No compasso da bola. Rio de Janeiro, Irmãos Vitale, 2011.

MARCONDES, Marcos Antônio. (ED). Enciclopédia da Música popular brasileira: erudita, folclórica e popular. 2. ed. São Paulo: Art Editora/Publifolha, 1999.

MARIZ, Vasco. A canção brasileira. Rio de Janeiro: Francisco Alves, 2000.

MORAES, Mário de. Recordações de Ary Barroso. Rio de Janeiro: MEC/FUNARTE,1979.

REPPOLHO. Dicionário Ilustrado de Ritmos & Instrumentos de Percussão. Rio de Janeiro: GJS Editora, 2012. 2ª ed. Idem, 2013.

SEVERIANO, Jairo e MELLO, Zuza Homem de. A canção no tempo. Volume 1. São Paulo: 34, 1997.

TINHORÃO, José Ramos. Música popular – teatro e cinema. Rio de Janeiro: Vozes, 1972.

VASCONCELOS, Ary. Panorama da Música Popular Brasileira. Vol. 2. Rio de Janeiro: Martins, 1965.